segunda-feira, julho 24, 2006

BOAS SEMENTES



Pode parecer estranho e até contraditório o que vou dizer, considerando o que escrevi no artigo anterior, sobre termos tempo, pois a vida sempre continua, mas não é.
Uma coisa é a impaciência, o atropelo, a falta de reflexão, outra é não desperdiçar oportunidades de vivenciar momentos bons, de expressar sentimentos, demonstrar afeição, conviver com as pessoas que amamos.
A vida continua, seja qual for a situação em que nos encontramos, mas a qualquer momento, nossa vida pode ser interrompida ou a de quem amamos, sem que tenhamos tido tempo de vivê-la de forma plena.
Como não sabemos o que se desenrolará no futuro, é bom agirmos de forma a não nos sentirmos culpados por não ter feito algo.
Se amamos, saibamos demonstrar esse amor enquanto estamos vivos. Façamos hoje,para não nos arrependermos de ter sido escassos nas palavras e nos afetos.
Devemos nos empenhar para viver de forma a aproveitar a vida no tempo atual, agora, plantando boas sementes para o futuro.
É importante viver, sentindo que a vida é uma benção, não ficar se maldizendo, lamentando, só vendo coisas negativas.
Temos que cultivar a alegria, os bons sentimentos, como o amor, a gratidão, a solidariedade, o bom humor.
É importante e necessário ser equilibrado. Manter o equilíbrio entre o corpo e a mente, a razão e a emoção,ter equilíbrio nas relações pessoais,afetivas,familiares e profissionais.
Somos parte da natureza, então é imprescindível manter o equilíbrio também nesta relação. Ter consciência de nossas ações, de práticas que podem ser danosas para o ambiente que nos cerca e o conseqüente comprometimento do ecossistema no qual estamos inseridos.
Não devemos descuidar de manter um vínculo positivo com a sociedade, através da inserção e efetiva participação em grupos estabelecendo relações saudáveis que realimentam e revitalizam tanto no aspecto social, quanto intelectual e emocional.
Cultivar as relações pessoais é fundamental para a preservação da saúde emocional e física. A convivência de forma harmoniosa, um abraço, um carinho,uma atitude generosa realizam milagres.
Não devemos deixar que o excesso de compromissos nos torne descompromissados com o próximo.
O reforço dos vínculos afetivos aprimora as relações, proporciona melhor conhecimento do outro, contribui para o auto conhecimento.
Devemos investir em uma melhor maneira de viver o agora, que é o que temos nas mãos, que este momento seja entendido e vivenciado como uma boa semente que se transformará em bom fruto para nós e para os outros que nos cercam.
Publicado no Diário da Manhã-Pelotas-RS
Data:2007.07.24
Publicado no site:
http://recantodasletras.uol.com.br/
Data:2007.07.16
Publicado no site:
http://rabiscos.terra.com.br/
Data:2007.07.26
Publicado no site
:www.usinadaspalavras.com
Data:2007.08.19
Publicado no site:
http://icsvargas.bloguepessoal.com/
Data:2008.02.15
Publicado no Site:
http://www.textolivre.com.br/
Data:2009.05.16
Publicado na GALERIA BRASIL 2009:Guia de Autores Contemporâneos/Celeiro de Escritores. São Paulo,SP:Ed. Sucesso,2009
Publicado no site:http://www.euautor.com.br
Data:2009.08.20




0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home