sábado, outubro 15, 2011


Como os pássaros

No bater de tuas asas

Rumo ao horizonte infinito

Sinto a brisa

Que me dá fôlego

Para meu caminho prosseguir

Até emparelhar meu voo com o teu

Rumo à eternidade.


 Publicado no Diário da Manhã-Pelotas-RS
Data: 2011.10.14- Sexta-feira página 15


Publicado no site:www.recantodasletras.com.br
Data:2012.01.19

Marcadores:

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home