domingo, outubro 09, 2011

               TEXTOS DA EXPOSIÇÃO "VÉU DE NOIVA-GEADAS DO SUL"    


  CHICO MADRID




Assim eu sou.
Ora,
Gotículas frágeis
Ora,
Um oceano revolto.

Publicado no site:http://www.recantodasletras.com.br/frases/3545661
Data:2012.03.10
........................


Névoa que obscurece a imagem,
Mas não interfere na essência.

.............................


A divisão está no olhar de quem vê
(ou não sabe ver)
Sou um todo que não se parte.


 ...............................

Sou a semente que o véu encobre...

.................................


De mansinho chego.
Cubro teus pés,
Ornamento teu corpo,
Envolvo-te,
E a vida renasce.


...............................


Eu não sou a árvore,
Não sou a água,
Não sou o céu.
Eu sou tudo.
Por isso não me enxergas


.............................. 


Não pense no que fui,
Mas no que serei.
Estou em constante movimento.


..................................


Vou esquentar corações,
Virar fumaça que sobe,
E volta em gotas de chuva
Que regam a semente.


.....................................


As dificuldades me fortalecem.
O que me faz sofrer,
É capaz de me transformar.


 ......................................


Mãe Natureza
Acolha,
Dá a vida
Desabrocha em esplendores.


.......................................... 


 É necessário ter o olhar bem mais além da linha do horizonte, 
querendo sempre transpor barreiras,
 desafiando o já dito e experimentar novas formas de vida...


...................



 Coroa  de cristais
  A apontar o firmamento:
  Origem,destino final,
  Celebração ,regozijo.

.........................................

Flores
relembram o milagre da vida,
o milagre do amor.

..........................................

Final de festa.
 O dia amanhece. 
É hora de começar a arrumação.
A vida continua.

....................................

Nascimento. Espetáculo único. Superação, recompensa. Cansada, a natureza se refaz lentamente.

 .........................................

A terra alimenta o gado, que alimenta o homem, que gera vida
 e à terra retorna, em um processo infindável de vida, morte,
 renascimento.

 .........................................

Suave e translúcido véu a recobrir o espírito ardente da
 natureza.

 ................................................

Solidão compartilhada
Comunhão torna-se.

 ........................................

Lua de mel com a natureza.
Preparando o fogo, esquentando a alma.

 ......................................

Altar :Celebração
Segurança, proteção.
Tábuas da Lei.

................................. 
O universo é meu ninho.

 ...................................

Pacto .
O universo por testemunha.


...............

Partilha.

A cada um segundo o merecimento.


 ....................................

Tange-se o boi,
Não o homem
... que pensa,escolhe caminhos.
     Liberta-se.
 .......................................................

Renasce a cada dia
Mesmo que não o vejamos
Ele está lá
Incólume, magnânimo
A se doar por inteiro.
 ..............................

Só não gela meu espírito
Repleto de amor...

 ...............................

Manto da Virgem
Pura, cristalina
Redentora

 ......................................
Espelho
Manancial
Fonte de Vida e
Abundância.

.........................................

Aqui descanso meus pés
Faço meu ninho
Espero que a vida siga seu curso.


Isabel C S Vargas




Marcadores:

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home