sábado, julho 21, 2012

VERSOS NO ANOITECER


Participantes:
1-Candy Saad
2-Maria Thereza Neves
3-Nidia Vargas Postch
4-Ligia Antunes Leivas
5-Arlete Oliveira
6-Mardilê Friedrich Fabre
7-Regina Romeiro Ramos Mello
8-Lourdinha Biagioni
9- Rahna (Claudia Dutra Gallo)
10-Marla Otto
11-Lenine(Lobo azul)
12-Marilia Bechara
13-Moacir Indio da Costa Jr
14-Sonia Nogueira
15-Humberto Rodrigues Neto
16-Neuza Raquel Roedel
17-Izabel Vargas
18-Wilson de Jesus Costa
19-Gerci de Oliveira Godoi
20-Iracema Zanetti
21-Julio Cesar Bredon dos Santos
22-Maria Barros
23-Vilma Cunha Duarte
24-José Hilton Rosa
25-Dely Damasceno Souza
26-Mara Poeta
27-Iraí Verdan
28-Célia Lamounier de Araújo
 

Os versos do anoitecer

Candy Saad

Chamas cor d' ouro em vértices
envolvem o céu com uma aura de luz
clareando tudo por entre as árvores...
O lusco fusco em segundos esmaece
A natureza aos poucos mostra a lua
trêmula ,tímida ,trazendo o anoitecer
A pomba da volúpia voa de volta ao pombal
Enquanto nosso sangue ferve de prazer!


Recanto das letras
Código do texto: T3437788

 



A Magia das Sombras Nuas

Maria Thereza Neves



a noite empurra derrotas
rasga a cor dos precipícios
abre mantas de estrelas
espantando o frio da alma
entra nos poros
adormece os tecidos
sensibilizando os vazios
o hálito do vento sopra poesias
contorce em versos serenos
se curva nas camas ainda quentes
nos ardores em chamas
embriaga ,rasteja sinuoso
pelas curvas amorosas
entre nuas cortinas
e a magia das unidas sombras .

Publicada no Recanto das Letras

 



Amor ao Entardecer...
Nídia Vargas Potsch

Nossas auras resplandecem
nesse entardecer do silente amor que abraçam.
Voam, flutuam incansáveis
como cabelos levados pelo vento...
A lágrima calada
que a magia do momento disfarça,
como as labaredas da paixão em delírio
deste eterno padecer, hão de se exteriorizar...
Talvez em outra dimensão possamos
caminhar juntos e em total paz!

@Mensageir@
 



Versos no anoitecer

Lígia Antunes Leivas

Fecham-se as portas do sol
...a noite não é um tempo calado.
Floresce o amor por entre lençóis de plumas
...e a vida vira festa!



NO ANOITECER DOS NOSSOS CORAÇÕES

Esplendoroso o anoitecer nos teus braços,
Sentindo teus afagos... e as estrelas no céu a nos espreitar
que amor é esse que se instala sem nada falar?
Sentimento forte que me invade a alma...ao anoitecer,
se entranhando em nossos corações
desenhamos nossos caminhos de esperança
com a cumplicidade do luar, que nos espera
para nossos corações acalentar!

©Arlete Maria




Anoitecer
Céu rajado,
O sol se deita.
Mágicos momentos
Paralisam a vida.
Reflexos multicoloridos
No espelho da água.

Autor: Deus.


Mardilê Friedrich Fabre



A noite distante risca no instante
Fincando raízes na ferida aberta
Tinge-se de vermelho sangue lembranças perdidas
Agora vindas
Isola-se a dor por ser intensa e íntima
Infinda paisagem desenhada em detalhes
Brotos despontam a aridez antiga
Confissão, reflexão
Retalhos redesenhados no ser
Dita e escreve no anoitecer


Regina Romeiro





Lourdinha Biagioni


para mim


Anoitecer
O tempo não se atrasa.
Nem o de florecer.
Finge, faz que demora.
Mas, para anoitecer,
o tempo tem seu tempo,
a desenhar no rosto
o mapa dos caminhos
mais cedo percorridos.

 



SONETO DO ANOITECER

O véu da noite cai sobre a cidade.
A lua aparece, parece uma monja.
Fazendo carícias feito lisonja,
No rosto pálido da humanidade.

Sobre os casebres as sombras noturnas
Deitam-se cansadas e rotineiras.
Em silêncio envolvem, sobremaneira,
E tudo cala num quedar soturno.

Os corpos fatigados convalescem
Nos negros braços da noite, aninhados,
E seus sonhos tornam-se realidades.

Vivem num segundo uma eternidade
Co’a serenidade dos que adormecem,
Pela noite plácida acalentados...

Rahna (Claudia Dutra Gallo)



Eis que algo nos envolve
em toda a magnitude da natureza,
enfocando toda a nossa pequenez...

As cores quentes se casam
com o calor do meu coração,
fechando mais um dia...

Faz-se uma rápida avaliação
do que se conseguiu concretizar
e o muito que se há de fazer...

O cansaço já me entorpece,
apontando a necessidade de parar
e recarregar minhas forças...

É o anoitecer que me enlaça
e começa a embalar meu sono,
talvez por uma noite ou para sempre...

Marla Otto
 


Na floresta encantada
Um Lobo Azul,
Na madrugada
Azul,
Silenciosamente
Olha para o horizonte...
Não,
Ela não virá mais...
Talvez,
Seja apenas mais um poema
Quem venha....

Lenine....




Quando a noite avisa sua chegada avermelhando
O horizonte, as montanhas se transformam em macia
Cama para o sol adormecer...

-Marília Bechara-


 



Versos no Anoitecer

bem que lá me sentia entorpecer
e já temia era, é!, enlouquecer,
mas não conseguia aqui esquecer
que um Dia devo, e Lá, Te rever.
meus erros já idos prá reverter,
e as vidas passadas prá reviver,
porém, ah!, sei que irei vencer,
que jamais eu irei me aborrecer.
e esse divo Dia há de amanhecer,
me dizes em versos no anoitecer...

Moacir ad Selena
 



14
*Anoitecendo



Sentada na areia da praia deserta
O vento corria, a onda se agitava
Grãos de areia meu rosto tocava
A mente contrita sonhava deserta.
*
Vi tua imagem sem rosto, sem nome
Sorrindo sem face em névoas sombrias
O peito aflito em vãs utopias
Buscava um rosto um só sobrenome.
*
O som das ondas em canto e silêncio
Domava a noite soltando gemido
E veio suave em tom comovido
Tocou meu semblante com sapiência.
*
À noite chegando tranqüila sem véu
Abrindo os braços sem luz do luar
Fingiu que a pureza vem repousar
No sonho tormento que é só meu.
*
Pingos da neblina roubaram emoção
As horas não alteraram o ponteiro
O sonho se afogou no nevoeiro
A imagem distorcida sumiu no clarão.

Sonia Nogueira



CREPÚSCULO



No atávico esplendor da natureza
o Criador nos mostra a sua beleza
e faz do espaço esplêndidos espelhos!
Após o sol se pôr... morrendo ao léu...
almas se encolhem, quase de joelhos,
pra ver a mão de Deus pintar o céu
de angélicos crepúsculos vermelhos!

Humberto Rodrigues Neto





TURBILHÃO

Neuza Raquel Roedel

Se minh'alma
segurasse
minhas palavras,
o turbilhão
dos acontecimentos
dos sentimentos,
dos gestos,
teria sido
mais
proporcional
à minha vontade
Azuen
 




Com sofreguidão, vai o sol
Lentamente se recolhendo.
Em suaves e gentis movimentos,
Espalha seu brilho sobre a paisagem
Onde as nuances multicores da água
Destacam a mansidão do momento,
De plena comunhão da natureza,
Indicando que o equilíbrio
De um a harmoniosa convivência
É o caminho certo para a paz universal.



Isabel Vargas
 



Versos ao anoitecer

Debruçado na janela olhando o tempo
Vejo o passado já ido, estou no presente
Olho o horizonte e vejo o futuro
É a noite com seu manto azul cobrindo tudo
Como a adivinhar que vou cobri-la com meus beijos
Para satisfazer teus anseios nos meus anseios
A fim de retornar aos versos em novo anoitecer



Wilson de Jesus Costa
 



Caso palavras
nesta noite terna
me aqueço neste ocaso
abro janelas de minha`lma
me enebriando no encantamento
que minha derradeira visagem
seja desta paz que encontro na natureza

Gerci Oliveira Godoy




Versos No Anoitecer

Iracema Zanetti


A cada anoitecer vou ao meu jardim
Para ver o céu iluminado pelo clarão da lua
E as estrelas vagando pelo mesmo céu
Sem perceberem seus próprios encantos!

ao me sentir cansada e sonolenta
Resolvi ir ao meu quarto e dormir
Mas o sono eu perdi e voltei ao jardim!

Querendo novamente ver minha doce lua
E todas as estrelas brilharem
Num lindo céu de anil!

Esperei um longo tempo
E em seguida tornei ao meu jardim
Para ver a manhã sorrir
E o lindo sol nascer
E lá fiquei até o anoitecer!
 



"ENTARDECEU"


Entardeceu!
Meus pensamentos voltaram-se
na direção do Criador.

Liberei minha mente
e deixei que os acontecimentos
diários fluíssem
e se apresentassem a ELE
como prova de minha confiança
em Seu amor.

Nem por um segundo
me senti constrangido
pois, se houve maus momentos
Ele os perdoará
confirmando assim
o poder que Dele emana.

Me senti livre
com o coração transbordando
de felicidades e aliviado
por tê-lo preenchido
com o Seu amor.

Assim, a noite chegou
e trouxe uma grande paz
que tomou conta
de todo o meu ser.

JÚLIO CESAR



VERSOS NO ANOITECER


(Maria Barros)


É na mansidão do anoitecer,
que a magia do espírito altíssimo
enaltece numa pureza do ser!
E num fervor em prece oferecer
carinho à Mãe de amor dulcíssimo!

É na mansidão do anoitecer,
quando sou tomada em quietude,
vem-me a lembraça de quem não sei esquecer!
E a saudade ao me acolher
talvez nem saiba das horas todas que me ilude!

É na mansidão do anoitecer,
quando a noite abre suas portas
e tudo pode acontecer...
E sem fronteiras, só não vale adormecer
e na liberdade, as verdades podem ser mortas!

É na mansidão do anoitecer,
quando a natureza formosa,
num encantado jeito de envolver
vai explodindo teu cio, na gente fogosa
até um outro dia amanhecer...

É na mansidão do anoitecer,
que vou sonhando em versos
de amor, saudade, alegria, de entristecer...
E todo esse encanto vai muito além do alvorecer,
muito além desses versos e seus reversos!




Vilma Cunha Duarte

De Noitinha
A cidade já boceja preguiça do fim do dia
Será que o acendedor das luzes da gente
Tem trato com quem ilumina as estrelas?

Sei lá do que acontece entre o céu a terra
Sou apenas o poeta voando os desvarios
Em sentimentos alados com alma e poesia

Vilma Cunha Duarte



Bela como a vida
Bela como o nascimento de uma criança
Luz para todos os olhos
Espelho de toda calmaria na água
Querida paz!
Fonte de toda tranquilidade
Mãe natureza em todas as cores
Universo noturno, próximo de todos nós
Imagem toda bela, transparente à toda bondade


J.Hilton

 



Versos Ao anoitecer...


Alma infante ,minh’ alma errante
Vai buscar os sonhos de minha amada
Singra os sete mares e a encante
Traga-a e consigo o seu sorrir de fada


Busque-a nas montanhas da calábria
Lá naquele passado feliz ,mas distante
Quero-a linda ,como era minha bambina
Tão dedicada á mim beijando les mie labbra


Cantando alegre festejante ao anoitecer
Sabedora em seu coração de meu retorno
Ansiosa por meus braços e abraços ao me rever


Ao me aproximar da nossa casa na montanha
Me encontrava recepcionando com seu lindo canto
Veros versos de amor,exaltando o anoitecer


Dely Thadeu Damaceno
 




Versos ao Anoitecer

Nada é mais lindo
Sol se pondo
Tarde caindo
Noite se aproximando
Brisa suave meu rosto tocando
Você... palavras de amor sussurrando

Nada é mais sedutor
Ao lado do meu amor
Teu corpo no meu
Teu calor
E ao longe o Sol se Pôr


Nada é mais verdadeiro
Você se doar por inteiro
Oferecer-me a única rosa do canteiro
E um poema das mãos do carteiro.


Marinez Stringheta/Mara poeta



Versos ao Anoitecer

Quando a cálida noite, cai...
Debruça sobre as águas do mar
Os matizes da luz da Lua,
Deixa a sombra - a vagar...
À procura de caminhos
Nas montanhas, encontrar.

Nas águas, um pescador e seu barco...
Antes, navegante solitário, errante.
Agora, guiado pela luz do anoitecer
Veleja, paciente, até à praia distante...
Para seu barco ancorar,
Em porto seguro! Feliz, confiante!

Iraí Verdan





VERSOS NO ANOITECER

Célia Lamounier de Araújo

Atendo o convite amigo
para cantar o ANOITECER:
é um presente recebido
que nos chega e dá prazer.
Agradeço ao Criador
da pintura e da magia
que me envolve de amor. 

 


artedesigner-CandySaad

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home