quinta-feira, novembro 03, 2011

MINICONTOS


JUVENTUDE

Ao completar 70 anos, começava sua lua de mel.


SENTENÇA

Nada tinha a esperar da vida. Acabara de ingressar na penitenciária.


SORTE SELADA

Viu tirarem o couro do boi. Não iria esperar tirarem o seu também.


MORTE SÚBITA

Um grito de gol. Sua derradeira explosão de alegria.


COM O PÉ NO CÉU


Rodopiou no salão horas a fio. Nem percebeu quando voou leve ao som da música.


JURAS

Felizes juraram amor eterno. Quando o baile terminou cada um seguiu seu rumo. Pena que não sabia nem o seu nome.


PACTO

Vivia há tanto tempo ali que já conhecia seus hábitos. Era amiga, confiável e determinada. Só aparecia quando eu dormia.

Publicado no Recanto das Letras
Data:2012.05.27

Marcadores:

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home