domingo, janeiro 10, 2010

PERPLEXIDADE                                                                                                        
          


Casal jovem e sem filhos. Foram colegas no curso de pós-graduação. Na época, ela tinha outro namorado. Ele não perdia a esperança. Tempos depois o rompimento. Era a oportunidade que ele esperava. Com a aproximação, a amizade transformou-se num sentimento mais sério. Namoraram. Para morarem juntos não foi necessário cumprir rigorosamente as etapas habituais de outros tempos: namoro, noivado, casamento.


Apesar de morarem em um apartamento e ambos trabalharem resolveram adotar um cão. Não é difícil imaginar que logo o filhote virou o centro das atenções. Gracioso, inteligente, sapeca como todo filhote fazendo um estardalhaço à sua volta. Pequenas travessuras, alguns estragos. Nada que fosse novidade para quem já teve cão. Então, decidiram: Cachorro combina com casa. Procuraram até encontrar uma que coubesse no orçamento. Reformaram, investiram para ficar confortável e adequada para os três.

Chegou o dia da mudança.

A campainha tocou. O caminhão havia chegado. Mudariam de um quarto andar para uma casa na praia com espaço e liberdade para o filhote, que de tão ansioso correu atrás de seu dono pelas escadas do edifício. Só que não parou na calçada. Atravessou a rua correndo sem que ninguém conseguisse detê-lo, só o veículo que passava.

Gritos, choro. Ninguém se movia.

Desolação geral.

A mudança foi feita.

O cãozinho repousa no jardim onde deveria crescer livre e feliz para alegria de seus donos.

Publicado no site:http://www.dominiocultural.com/
Data:2010.01.09
Publicado no site:http://www.paralerepensar.com.br/
Data:2010.01.09
Publicado no site:http://www.webartigos.com/
Data:2010.01.09
Publicado no Diário da Manhã-Pelotas-RS
Data:2010.01.15
Publicado no site:http://icsvargas.bloguepessoal.com/
Data:2010.03.17
Publicado na Antologia de Contos e Crônicas -Escritores Contemporâneos
Fronteiras -Realidade ou Ficção? Editora Sucesso, São Paulo,SP, 2010
http://www.celeirodeescritores.org/
Publicado no site:www.recantodasletras.com.br
Data:2012.01.26


0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home