sexta-feira, fevereiro 24, 2012


FELICIDADE, UM MODO DE ENCARAR A VIDA

Até hoje muitas pessoas parecem não ter encontrado a felicidade. Passam boa parte da vida à sua procura, colocando-a num ponto distante de si, como uma meta a ser alcançada em um futuro distante. Fazem projetos dos mais variados tipos , estipulando a partir de quando serão felizes, adiando a felicidade, relacionando-a a aquisição de bens materiais, conquistas profissionais ou associando-a ao encontro de um parceiro idealizado para casar.
            Muito poucos percebem que a felicidade além de ter que ser alcançada no dia a dia, nas pequenas coisas pode ser diferente para cada pessoa.
Podemos dizer que ela é feita de momentos, não é constante, porque e vida não é só feita de momentos alegres, felizes, de comemoração, conquistas ou gratificações. Também faz parte o que podemos denominar de outro lado da moeda, ou seja,as tristezas, os dissabores, as doenças, perdas, pois ninguém é imune a estes acontecimentos. Entretanto há pessoas que conseguem enfrentar e superar estes momentos de forma serena, sem perderem a alegria de viver, a paz de espírito, a fé, a sensibilidade, o amor pelo semelhante. Geralmente são pessoas com a inteligência emocional bem desenvolvida, conhecedora dos próprios sentimentos e do sentimento do outro, tendo autoestima elevada , sendo capaz de motivar-se, ter equilíbrio emocional e bom relacionamento com os demais.
            A felicidade é conseguida pelos indivíduos que se dispõem a serem felizes. É uma opção de vida, ser feliz ou não.É uma maneira de responder aos acontecimentos, vencer as barreiras externas, os medos,que muitas vezes levam a um boicote à própria felicidade.
            Ser feliz pressupõe cultivar o amor por si e pelo semelhante, saber perdoar a si e aos outros, aceitar as limitações do ser humano e ao mesmo tempo reconhecer a sua infinita capacidade de superação,é ser justo e generoso, saber cuidar do outro sem descuidar de si, ter sensibilidade para colocar-se no lugar do outro e dar a ele toda a atenção que é merecedor, é saber escutar não querer modificar o outro, mas perceber que tem que modificar a si mesmo. É dividir sentimentos para somar. É não acumular mágoas, é viver com simplicidade ,aprender com a natureza, com tudo que o cerca,com os erros, as frustrações e escutar a sua voz interior, a sua intuição e não desrespeita-la.
            Para ser feliz é necessário sentir que a felicidade não é um bem que se adquire pronto e acabado, mas sim fruto de uma disposição interior associada à percepção de que a felicidade se faz no agora, não em recordar ou lamentar o passado, ou viver pensando no futuro, mas em um exercício constante de bom humor, humildade, abertura para os acontecimentos e para as pessoas, sem julgamentos antecipados.
            É cultivar o respeito, a confiança,fé e amor por si e pelo semelhante.

Publicado no:http://cadernosdocetres.blogspot.com/2008/11/felicidade-um-modo-de-encarar-vida-at.html
Data:2008.11.26

Data:2012.02.24

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home