domingo, setembro 04, 2011

Vem



Estou a te esperar
Chega de mansinho
Um abraço vem me dar
Para a saudade aplacar
Olha ao redor
Reconhece cada recanto
Que te acolheu nesta vida
E onde tantas marcas deixaste
É teu espaço de aconchego
Teu berço de amor e partilha
Nele só sorrisos deixaste
Pois a vida sempre te foi doce
Muito amor, alegrias colheste
E conosco repartiste.
Nesse dia especial
Teu beijo suave
Não vou dispensar
Por isso quando uma suave brisa soprar
Sei que é teu beijo a me felicitar
E muitas graças vou dar
Por tanta doçura até aqui chegar.

Publicado no Diário da Manhã-Pelotas-RS
Data:2011.09.02
sexta-página 15 




Marcadores:

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home