quarta-feira, maio 05, 2010

MÃE- UM EXCELENTE APELO COMERCIAL                                                                                   
                                                                  




O comércio está todo voltado para a segunda melhor data comercial do ano, ou seja, o Dia das Mães. Os estabelecimentos investem nas propagandas por todas as mídias ou incrementam as habituais quando mantém contas permanentes em agências ou espaços permanentes. Capricham no jingle veiculados nas emissoras rádio, nas imagens das propagandas de TV, procuram exaltar de todas as formas as qualidades, o valor e importância da homenageada. Desde algum tempo já mostram os diferentes tipos de figura materna, não mais aquela figura estereotipada de mãe (amorosa, recatada, protetora, um tanto submissa e, paradoxalmente, guerreira quando se trata de defender os seus rebentos, qual seja a idade que tenham) sempre com um sorriso, como se nunca se irritasse ou aborrecesse. Mostram as mães que são essencialmente donas de casa, como as que trabalham fora do lar (acumulando função, e muitas vezes, culpas pela dupla jornada). São profissionais dos mais diversos segmentos, pessoas dinâmicas, outras nem tanto, românticas, esportistas, sonhadoras ou pragmáticas, simples ou sofisticadas, consumistas ou controladas, enfim mostram que existe uma multiplicidade de seres diferentes (portanto com um leque cada vez maior de possibilidades de incremento de vendas), com algo em comum: Ser mãe.

Isto implica que uma faixa muito grande da população será presenteada ou com uma rosa ou uma jóia, um objeto de uso pessoal ou algo que possa beneficiar a família inteira (uma TV de 42 polegadas, por exemplo, vai lhe agradar sobremaneira, mas, certamente vai extasiar o marido nos jogos de futebol, durante a semana, nos finais de semana, nas competições estaduais, nacionais, internacionais, na copa do mundo), portanto, um grande presente, embora muito raramente algumas consigam sentar-se à frente da televisão para ver um programa, mesmo que seja uma novela, pois têm inúmeras outras coisas que não dá para deixar para o dia seguinte.

Talvez isso ocorre pela idéia de que mãe não é um ente único, é múltiplo. Mulher é como polvo como diz Dr. Içami Tiba. Com seus inúmeros tentáculos tenta abraçar a todos para auxiliar, proteger, ou superproteger. Faz inúmeras coisas ao mesmo tempo (coloca a roupa na máquina de lavar, o leite no fogo - ou no microondas - arruma a mesa para o café, atende ao telefone, passa os olhos pelo tema que o filho está fazendo, faz um sinal de cabeça para o outro que chora) e no final da manhã ainda apresenta um comidinha saborosa para toda a família e que fica feliz se alguém se lembra de elogiar.

Mulher e mãe são identificadas da mesma forma. Embora nem toda mulher seja mãe, o é em potencial, e é criada para isso. Brinca de casinha desde pequenina, cuida das bonecas, brinca com liquidificador, pipoqueira, panelinha, tanquinho, fogãozinho desde a mais tenra idade. Só bem mais tarde lhe dão um livro de presente- não porque não saiba ler nos primeiros anos de vida, porque além de terem gravuras maravilhosas, que despertam a atenção e curiosidade, sempre há uma mãe, uma avó, tia ou babá que possa lê-lo para ela. Não esqueçamos que os livros subvertem. Por isso foram queimados.

Podemos concluir, então que mãe vende tudo. É capaz de vender utilidade doméstica, objetos de uso pessoal, artigos de beleza, vestuário, programação cultural, utensílio doméstico – panelas, então, nem se fala. Nem todos lembram que perfume, brinco, uma bolsa, também pode ser objeto de primeira necessidade para uma mãe vaidosa, se o orçamento assim o permitir, mas TÁBUA DE CARNE!!!!

Foi o que vi em uma propaganda deste domingo, entre os objetos que fariam a alegria de uma mãe, lá estava ELA. Horrorosa, em meu entendimento, até porque na atualidade temos umas lindas, de vidro, enfeitadas e higiênicas. Confesso que é a primeira vez que vejo. O que a primeira vista me pareceu mau gosto, falta de imaginação, pensando melhor, percebi que pode ser uma maneira de vender um estoque encalhado, afinal, mãe não reclama, adora um agrado dos filhos, até porque, o que importa mais é o que vem junto, é gratuito e embora venha com aspecto de coadjuvante e acessório, é o principal: o abraço, o beijo a confraternização.

Para organizar as coisas (esta é outra função das mães) e evitar sorrisos amarelos de ambas as partes, em minha família, estabeleci – meu marido diz que adoro mandar- que só aceito presentes de utilidade doméstica no dia das mães, afinal, ser mãe é estar “à disposição de” a vida inteira, mas em meu aniversário, sou capaz de devolver ou trocar se vier algo deste tipo, talvez pelo “trauma” gerado quando em um aniversário ganhei uma panela elétrica que permanece em desuso até hoje.

Outra regra: Como todos os filhos estão crescidos e trabalham resolvi dar um descanso para meu marido não precisar gastar. São eles que têm que me dar, por mais simples que seja. Quero é a atenção do tempo despendido, a preocupação do agrado, o exercício de adequar o objeto ao gosto do homenageado e ao orçamento pessoal. É um exercício para a vida toda.

Creio que os motivos desta crônica foram vários sentimentos: o medo de receber algo tão danado, feio, sem glamour, a curiosidade sobre o presente comprado por uma das filhas e que para se “vingar”, eu creio, da expectativa dos tempos de criança, mostrou-me o pacote e disse: - Olha, isto é teu presente. Não podes abrir até domingo e, por último, o desejo de encarar a data com bom-humor, já que não tenho mais minha mãe para presentear e o melhor que posso fazer por ela neste dia é fazer uma prece do fundo de meu coração e agradecer por tudo que ela foi para mim.

Um Feliz Dia para todas as Mães.
Publicado no site:http://www.paralerepensar.com.br/
Data:2010.05.05
Publicado no site:http://isabelcsvargas.multiply.com/journal/item/4/4
Data:2010.05.05
Publicado no http://www.facebook.com/
Data:2010.05.05
LINK DESTAQUE:http://www.paralerepensar.com.br/paralerepensar/texto.php?id_publicacao=11216
Publicado no site:http://www.olhasoaqui.com/
Data:2010.05.06       http://olhasoaqui.com/noticias/fullnews.php?fn_id=47
Publicado no Diário da Manhã-Pelotas-RS
Data:2010.05.08
Publicado no site:http://wp.clicrbs.com.br/pelotasmais/2010/05/08/artigo-mae-um-excelente-apelo-comercial/
Data:2010.05.08
 Link compartilhado na mesma data no http://www.facebook.com/, http://www.multiply.com,e/ FATOS,IDÉIAS E IMAGENS
Publicado no site:http://www.netlog.pt/
Data:2010.05.08
Publicado no perfil em http://www.portalliteral.com.br/
Data:2010.05.09
Publicado em definitivo no site,  em 2010.05.12,após período de votação .
http://www.literal.com.br/artigos/mae-um-excelente-apelo-comercial





IMAGEM:INTERNET:http://www.salvearainha.com/wp-content/uploads/2008/12/presente-268x300.jpg

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home